Dicas para evitar e prevenir queloides!

A queloide é uma marca que surge após um processo de cicatrização e, segundo a dermatologista Daniela Pimentel, de São Paulo, tem como características a grande espessura, endurecimento, cor avermelhada e pode apresentar coceira ou dor. Porém, apesar de muito temido, o sinal pode ser evitado e tratado.

Causas:

Acne
Cortes cirúrgicos
Queimaduras
Pequenos arranhões
Feridas traumáticas
Locais de vacinação
Brincos e piercings
Tatuagens

Prevenção:

Evite a colocação de brincos, piercings e tatuagens.
Atenção redobrada na hora de cuidar das lesões, siga as orientações do médico.
Caso note qualquer um dos sinais ou sintomas que indique o aparecimento de uma queloide, procure o seu dermatologista o quanto antes para minimizar os sintomas.
Mantenha a região tratada sempre limpa e protegida. As feridas são portas abertas para a entrada de impurezas e bactérias, que facilitam a inflamação e infecção do local.
Podem ser indicadas pomadas cicatrizantes que protegem a pele e aceleram o tempo de cicatrização, reconstituindo mais rapidamente a região.

Tratamento:

A dermatologista Daniela Pimentel, de São Paulo,diz: “Algumas cicatrizes queloidianas reduzem lentamente durante os anos, mas podem voltar a aparecer. Uns dos procedimentos mais eficazes são realizados com corticoides – tópicos, oclusivos ou infiltrações -, remoção cirúrgica acompanhada de betaterapia, placas de silicone e também alguns tipos de laser”.

Obs: Não endossamos qualquer forma de tratamento.Procure um dermatologista de sua confiança.

Fonte: Derma Club;http:// rafaelasalvato.com.br

Compartilhar