Pedreiro na Bahia aprende a dançar balé para ajudar filhas autistas

Foto: Marina Silva/CORREIO

Um pedreiro de Feira de Santana (BA), para apoiar as filhas que têm autismo, está aprendendo balé.

Joilson Santos, 54 anos, pai de Isabele e Iasmin, está dividido entre o estúdio de balé e o trabalho.

As meninas participam das aulas com outras 8 crianças diagnosticadas com autismo.

Embora sofrendo preconceito por parte de pessoas na vizinhança e no trabalho, Joilson não desistiu para ajudar as filhas.

Quando as meninas executam algum movimento errado, Joilson está ali para corrigi-las.

As aulas fazem parte do projeto Arte de Viver, mantido pela Prefeitura de Feira de Santana.

Compartilhar