Como cultivar violetas o ano todo: dicas passo a passo

As violetas são lindas, baratinhas e fáceis de cuidar. Sabia que elas podem durar de 9 a 12 meses se souber lidar com elas?

Tipo de vaso: o primeiro passo é adquirir mudas de violetas saudáveis em lugares como mercados, floriculturas, etc. Depois procure um vaso adequado para plantá-las. Os ideais são os de barro, pois absorvem o excesso de umidade, apesar de se adaptarem a qualquer tipo. O tamanho deve ser de 12 cm de altura.

Como plantar: para começar, coloque no fundo do vaso uma camada de pedrinhas, madeiras ou galhos. Depois coloque a terra misturada a um pouco de esterco até a metade. Plante, então, a muda centralizando sua raiz e complete com o restante da terra, após ter acabado faça a primeira rega.

Escolha o lugar de preferência das violetas, que devem ter temperaturas noturnas mais elevadas e diurnas mais amenas, que podem variar entre 13 e 28 graus. Lembrando que violetas não se dão bem com raios solares incidindo diretamente sobre elas.

Como devem ser as regas: não molhe as folhas de sua violeta. No verão regue duas vezes por semana e no inverno apenas uma vez. Baseie-se sempre nesta regra, no entanto é bom que verifique com frequência se a terra está seca ou não e se estiver molhe um pouco. Nunca encharque a terra, pois dessa forma a raiz apodrece e a planta morre. O ideal é regar à noite.

Para dar uma forcinha a mais para suas plantinhas, adube a terra com casca de ovo, húmus de minhoca, composto de esterco, tudo isso, esses produtos podem ser encontrados em casas especializadas em plantas ou floriculturas.

Sinais de problemas: manchas queimadas pode ser intoxicação da planta por algum produto químico, já folhas amareladas pode ser resultado de falta de nutrientes ou excesso de luz. Daí a importância de adubar a terra.

Compartilhar