Se você tem crianças e animais em casa, cuidado com essas plantas tóxicas!

Embora muitas espécies da flora sejam inofensivas, algumas delas devem ser evitadas em ambientes que tenham crianças ou animais de estimação. Isso porque existem diversas plantas tóxicas, que podem causar alergias ou inflamações.

Veja relação de plantas que podem ser perigosas para saúde.

ANTÚRIO

Nome científico: Anthurium andraeanum Linden
Família: Araceae

Levante a mão quem nunca visitou uma residência que não tivesse uma flor dessa como decoração. Não parece ser tão perigosa, mas quando ingerida, pode causar coceira e lesões no trato digestivo, além de vômito e asfixia.

 

BICO-DE-PAPAGAIO

Nome científico: Euphorbia pulcherrima Willd
Família Euphorbiaceae

Conhecida como a “Flor do Natal”, é popular em ornamentos nesta época do ano. Sua seiva leitosa, entretanto, não é nada amigável. Causa lesões na pele e mucosas, inchaço dos lábios, boca e língua e também afeta a visão.

ESPIRRADEIRA

Nome científico: Nerium oleander L.
Família: Apocynaceae

Tudo o que a Espirradeira tem de bonito, tem também de perigoso. Todas as suas partes são tóxicas, desde a seiva leitosa (látex), que causa irritação na pele e mucosas, à ingestão. Quando ingerida, libera uma substância que afeta o miocárdio, podendo causar distúrbios cardíacos e levar à morte.

COROA-DE-CRISTO

Nome científico: Euphorbia milii L.
Família: Euphorbiacea

Comum em diversas casas de Curitiba, a Coroa-de-Cristo pode prejudicar a visão e até mesmo causar cegueira por conta de sua seiva leitosa.

COMIGO-NINGUÉM-PODE

Nome científico: Dieffenbachia picta Schott
Família: Araceae

Por fazer parte da decoração de muitas casas, é líder em intoxicações. A ingestão e o contato podem causar náuseas e vômitos, diarreia, inchaço dos lábios, boca e língua e até mesmo asfixia. Em contato com os olhos, há risco de lesões na córnea.

 

MAMONA

Nome científico: Ricinus communis L.
Família: Euphorbiaceae

É muito perigosa por conta de uma substância chamada ricina presente na semente. Sua ingestão irrita o trato gastrointestinal, causa vômitos e diarreia, hipotensão e arritmia. Os sintomas podem levar a uma desidratação grave, insuficiência renal e até ao coma.

HORTÊNSIA

Nome científico: Hydrangea macrophylla
Família: Saxifragaceae

Quando ingeridas, suas delicadas flores podem causar convulsões, dores de barriga e vômitos. Dependendo da quantidade ingerida, pode levar ao coma.

TINHORÃO

Nome científico: Caladium Bicolor Vent
Família: Araceae

Usada como decoração, a ingestão e o contato podem causar sensação de queimação, inchaço de lábios, boca e língua e salivação abundante. Em contato com os olhos, pode provocar irritação e lesões na córnea.

COPO DE LEITE

Nome científico: Zantedeschia aethiopica Spreng.
Família: Araceae

Também utilizada em arranjos ornamentais, esta flor é capaz de causar os mesmos sintomas que o Tinhorão e a Comigo-Ninguém-Pode. As três têm o mesmo princípio ativo, o oxilato de cálcio, que intoxica tanto pelo contato com a mucosa quanto pela ingestão.

 

Atenção! Se  alguém da sua família for intoxicado por uma  dessas plantas ou seu animal, procure imediatamente um médico ou um veterinário.

 

Fonte:Gazeta do povo.

Compartilhar