Homem se recusou a vender sua terra e agora trabalha no seu campo cercado por edifícios

O vídeo de um agricultor polaco numa colheitadeira num campo espremido entre vários blocos de apartamentos viralizou nas redes sociais.

A situação incomum surgiu depois de o fazendeiro se recusar a vender as suas terras para incorporadores, o que significa que os edifícios residenciais agora estão lado a lado com terras agrícolas.

Na cidade polonesa de Lublin, enquanto a maioria dos fazendeiros concordou em vender os seus campos na rua Jantarowa a incorporadores, alguns como Michal Myslowski recusaram-se.

Os moradores da comunidade elogiaram a decisão do fazendeiro de não vender as suas terras e muitos publicaram vídeos de Michal na sua colheitadeira, pois continua a colher as suas safras todos os anos.

A Imperial Seed, uma empresa especializada em sementes de forragem, grama e culturas de cobertura, recorreu ao Twitter para elogiar Michal. “Lute sempre por aquilo em que você acredita, mesmo que isso signifique ficar sozinho”, disseram.

A moradora local Katarzyna disse que achava que as plantações eram uma vista melhor em comparação com edifícios de concreto.

 

“Como residente, posso dizer que isso não nos incomoda em nada, pelo contrário. Melhor essa vista de fora da janela do que estar cercada por prédios”, explicou.

“As pessoas estão bem. Elas entendem que tenho um trabalho a fazer e assistem e gravam vídeos. As crianças também estão felizes. Nunca houve problemas com a minha decisão”, disse Michal.

Compartilhar