Mãe faz filho levar flores à coleguinha de escola após empurrá-la

Hoje você vai conhecer Tavane, a jovem mãe de um menino de 4 anos chamado Diogo, que agrediu uma colega na escola.

Assim que soube disso, Tavane fez questão de agir: colocou-o de castigo, apenas autorizando ir ao banheiro, para o menino pensar sobre as suas ações.

No dia seguinte, a mãe sentou-se com Diogo e exigiu que este levasse um ramo de flores à colega e lhe pedisse desculpa pelo seu erro. Tavane quer certificar-se que o filho perceba que recorrer à violência é errado.

“Depois de muita conversa e castigo ontem, hoje foi o dia de levar flores para a coleguinha que ele empurrou ontem na escola. #naosebateemmulher #sóflores #sócarinho #vaiserumpríncipe #nãoéfácil”, escreveu Tavane nas redes sociais.

Resultado de imagem para love

Entretanto, Diogo fez exatamente o que a mãe disse e no final os dois colegas deram um abraço.

“Quando o fui buscá-lo na escola, perguntei se ele pediu desculpas. Ele disse que sim e que nunca mais ia repetir o erro. Agora é esperar que nunca volte a acontecer”, contou Tavane, emocionada.

Fone: Razõesparaacreditar

Compartilhar