O amor existente entre um cão e o seu dono não precisa de palavras

O laço entre um cão e o seu dono não precisa de palavras, só calor no coração e transparência no olhar.

Um cão e o seu dono atingem um nível transcendente de simbiose e conexão – entre os dois existe um pacto não escrito através do qual tudo simplesmente faz sentido.

Foto profissional grátis de acasalar, adorável, adulto, alegre

Não precisam falar para saber que se amam e se compreendem. O vínculo entre eles, os nossos anjos de quatro patas, é absolutamente inquebrável.

É ele que sustenta a magia da amizade entre duas espécies que, embora à primeira vista não tenham muito em comum, não podiam ser mais unidas.

Um cão e o seu dono desenvolvem a sua própria linguagem, os seus carinhos e os seus hábitos, que permanecerão iguais e imutáveis ao longo da vida.

Os cães são puros, abertos e sinceros. Nada escondem. O olhar deles é o espelho da sua alma, onde se encontra a maior inocência e o amor mais incondicional e cristalino. Através dos seus gestos, podemos decifrar um mundo inteiro, mais do que as palavras eloquentes, alguma vez, conseguiriam.

Um cão vive constantemente consciente do seu dono: de como ele é, de quando ele volta para casa, do tempo que passa com ele, das brincadeiras juntos e todas as pequenas coisas a que está acostumado. A sua família humana é o centro da sua vida.

Os cães comunicam-se de maneira universal, transmitindo diferentes humores e emoções, como alegria, tristeza, raiva, ternura, entre tantos outros, que nós humanos conseguimos descodificar instintivamente.

Então, se quisermos conversar com o nosso cão, só precisamos observá-lo e entender como ele transmite as suas emoções, porque apesar de os animais terem padrões de comunicação fixos na generalidade, cada um desenvolve a sua própria forma de comunicar-se.

Fonte: Pequenas coisas

Compartilhar