Policial pára homem que se parece com o seu filho morto. Um pouco depois, ele vê o que está no painel

Infelizmente, as guerras tiram a vida de muitas pessoas, tanto civis como saldados, dispostos a lutar pelo seu país.

Os soldados arriscam a vida para proteger o país, por isso devem ser valorizados e apreciados, e vamos tornar conhecida a história deste veterano do exército.

William Jazwinski, um ex-soldado do exército dos EUA, foi mandado parar por um policial enquanto conduzia seu veículo, e o policial decidiu compartilhar o diálogo:

William: Bom dia, estava excedendo os limites de velocidade?

Policial: Bom dia. Não, não estava, só queria pará-lo para lhe agradecer pelo seu serviço.

William: Ah, você viu o adesivo no meu carro. De nada, senhor, o prazer é meu.

Leia mais: Homem com carrinho vazio agachado no parque pensa que ninguém está observando, mas um atleta bate uma foto e revela toda a verdade

Policial: Onde serviu?

William: Fui no Iraque. Fiz 15 meses no departamento de Fort Benning.

Policial: Muito bem. O meu filho foi para o Iraque mas não voltou para casa.

William: Sinto muito por ouvir isso. Eu estive fazendo um tratamento para Transtorno de estresse pós – traumático.

Policial: Vejo que tem uma bandeira no carro, tal como a que compramos para o meu filho. Posso fazer-lhe uma pergunta? Você se importa de sair e receber um abraço? Você lembra-me do meu filho. Eu parei você pensando que fosse ele. Na verdade, a maior parte dos dias ainda não acredito que ele realmente 

Leia também: Senhora de 102 anos foi presa pela polícia por uma razão bastante incomum!

Os dois ficaram muito emocionados, e trocaram um longo abraço.

Este post é dedicado a todas as pessoas que combatem ou combateram pelo seu país e a todas as suas famílias e amigos. COMPARTILHE!

Compartilhar