Professor com corpo tatuado é impedido de dar aula ao jardim de infância

Foto: Reprodção

O professor francês Sylvain Helaine, de 35 anos, foi impedido de dar aulas ao jardim de infância, por ter o corpo, todo tatuado.

Tudo começou quando os pais, de uma criança de três anos, que não era seu aluno, afirmaram que o filho tinha dificuldades de dormir por causa das tatuagens de Helaine.

Sylvain trabalha na Escola Elementar Docteur Morere, em Palaiseu, subúrbio de Paris. Embora afastado pela direção, continua, na instituição, dando aula para crianças acima de seis anos.

Ele confessa que, à primeira vista, a aparência dele parece “meio assustadora”, mas quando as pessoas conhecem seu carácter, o respeitam.

“Quando as pessoas me veem de longe assumem o pior”, disse à Reuters.

Apesar do preconceito, Helaine disse à agência de notícias que ama o que faz e não pretende mudar de profissão.

A ideia de ter todo o corpo tatuado surgiu, quando tinha 27 anos, durante “uma crise existencial”.

“Fazer tatuagens é uma paixão”, afirmou.

Fonte: Público.pt

 

Compartilhar